2021: um ano promissor para a Tomasi Logística

30 de dezembro de 2020

A Tomasi Logística vai iniciar 2021 com o pé direito. A empresa gaúcha de operações logísticas projeta uma série de investimentos em novas unidades, ampliação do sistema de franquias e agregados, formação e qualificação de motoristas, treinamento e capacitação de novos líderes e gestores, valorização dos novos talentos e investimento permanente em inovação e tecnologia. Para o Diretor Administrativo, Rodrigo Tomasi, o próximo ano será um “marco histórico” para a empresa que completou 30 anos em 2020.  

“O ano de 2021 será um marco histórico para a Tomasi Logística. Será o ano de maior crescimento da empresa. De acordo com o nosso planejamento estratégico, todos os cenários mapeados estão com pontos fortes de crescimento e sustentabilidade. Fazer parte da Tomasi Logística, seja como um cliente, fornecedor, parceiro ou colaborador, será ainda mais compensador em 2021.” 

Entre as novidades previstas para o próximo ano, a direção destaca a inauguração de novas unidades nas regiões sudeste e nordeste do Brasil. Segundo Rodrigo, a empresa gaúcha de operações logísticas projeta um alto investimento para o desenvolvimento de nova unidade e novas operações na região sudeste, com a aquisição de nova área para expansão de serviços logísticos (armazenagem cross docking e consolidação de carga) em São Paulo (SP). 

Além deste novo espaço, a Tomasi Logística anuncia a inauguração da nova unidade em Feira de Santana, na Bahia, com mais de 10.000 m2 de área. “A partir deste ponto vamos atender todos os Estados do Nordeste. Vamos atender operações com origem no Sul e Sudeste, bem como operações internas na Região Nordeste” anuncia o Diretor Comercial, Diego Tomasi. A estrutura faz parte de um amplo planejamento estratégico da empresa, que congrega filiais em sete estados brasileiros –do sul ao nordeste. 

“Um dos diferenciais da Tomasi Logística é o posicionamento estratégico das unidades. Hoje a empresa possui filiais em sete estados brasileiros e investimos forte para atender, com excelência de qualidade, os mais diversos setores da economia, dispondo de unidades para a coleta e consolidação de cargas em grandes polos nacionais, de ponta a ponta do país”, reforça o Diretor Comercial. Além de Feira de Santana (BA) e São Paulo (SP), a empresa gaúcha de operações logísticas possui unidades em Canoas (RS), Lajeado (RS), Estrela (RS), Passo Fundo (RS), Caxias do Sul, (RS), Itajaí (SC), Itumbiara (GO), Betim (MG) e Escada (PE).

Em Lajeado (RS), a principal cidade do Vale do Taquari, a Tomasi Logística possui a sede administrativa. E também há novidades para o próximo ano. Conforme Diego, o Centro Administrativo vai mudar de endereço no segundo semestre de 2021. "Vamos deixar a estrutura atual para iniciar uma nova história em uma moderna e ampla estrutura junto ao inovador Centro Comercial 300. Considerado o maior empreendimento comercial do interior do RS, o local vai garantir toda estrutura para a nossa gestão administrativa, comercial, financeira e estratégica." 
 

Sistema de franquias 

Diego também reforça a ampliação e modernização do sistema de franquias e agregados. “A Tomasi Rede Logística já conta com 50 pequenos transportadores parceiros. E vamos continuar expandindo em 2021. A projeção é chegar a 80 transportadores parceiros com acesso ao nosso modelo de gestão, treinamentos, Clube de Compras e também ao fluxo constante de cargas da Tomasi Logística nas principais rodovias do país”, avisa o Diretor Comercial.  

Em síntese, a Tomasi Rede Logística auxilia a gestão dos pequenos transportadores e motoristas autônomos. Criado em 2018, o modelo atende as regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste do país. Entre as principais vantagens asseguradas aos franqueados, destaque para o Clube de Compras, que garante descontos e facilidades na aquisição de diesel, pneus, peças, compra de caminhões novos e usados e até parceria no sistema de monitoramento por satélite. 

Escola de Motoristas 

O Diretor Comercial anuncia também a criação de uma inovadora escola para formação de motoristas. O novo modelo será colocado em prática em janeiro de 2021. “Será uma verdadeira escola para formar motoristas. Por meio deste estruturado modelo de treinamento e desenvolvimento, motoristas que possuem CNH E, mas que não possuem experiência, terão a oportunidade de adquirir experiência e, passando nos testes, receberão oportunidades na Tomasi Logística para se tornarem motorista efetivos da empresa nas viagens de longas distâncias.” 

Desenvolvimento pessoal e inovação 

Diego Tomasi também faz questão de ressaltar as boas ações e a resiliência dos colaboradores da empresa em 2020, durante o ano que ficará marcado pela pandemia mundial do novo coronavírus. “Foi um ano de muitas perdas pessoais. Mas o setor de transporte e logística não parou. Afinal, o abastecimento do país depende do nosso setor. O ano foi excelente em termos comerciais. A Tomasi Logística expandiu negócios com os clientes atuais e conquistou novos clientes. Ou seja, expandimos negócios e aumentamos o fluxo de carga em todas as unidades da empresa”, informa.  

Para manter o crescimento em 2021, Diego anuncia novos programas de desenvolvimento de gestores e líderes, de treinamento e formação de motoristas, e também investimento em pessoas e valorização dos talentos. “Todos esses movimentos vão fazer parte das nossas estratégias. Além disso, o Setor de Inovação e Tecnologia – incubado no Parque Tecnológico da Universidade do Vale do Taquari (Tecnovates) - vai continuar buscando soluções inovadoras no mercado de logística, e também seguirá atualizando o nosso ‘Hublog’, um aplicativo disponível aos clientes para acesso aos serviços da empresa e também para garantir o monitoramento das cargas.”  

Protagonismo em 2020 

O ano de 2020 foi de protagonismo para os diretores da Tomasi Logística. Em julho, Diego Tomasi assumiu como Diretor Efetivo da Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Rio Grande do Sul (Fetransul) para a gestão 2020/2024. Hoje, a entidade engloba 13 Sindicatos Regionais com mais de 12 mil empresas que, juntas, somam 270 mil caminhões. Em novembro, ele foi eleito Vice-Presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Carga e Logística do Rio Grande do Sul (Setcergs) para o biênio 2021/2022. Antes disso, ele já atuava como Diretor Efetivo da entidade.  

Já o Diretor Administrativo Rodrigo Tomasi foi eleito como o primeiro presidente da nova Associação Estrelense Pró-Segurança Pública (Aespro). Criada no início de dezembro, a entidade voluntária e sem fins lucrativos reúne mais de 20 empresários de Estrela (RS) e também representantes do 40° Pelotão da Brigada Militar (BPM) e da Delegacia de Polícia Civil. O grupo terá a missão de angariar e organizar recursos para melhor estruturar os órgãos de segurança pública da região do Vale do Taquari.  

 


Créditos: Agência Lente M